domingo, 30 de abril de 2017

Querido eu mais novo

Hey eu mais novo! Sou eu do futuro... Estranho, mas fixe ao mesmo tempo, certo?

Peço-te que me ouças. Não vai demorar muito tempo. Nunca mais esqueças o que te vou dizer agora. Guarda-o na tua mente para sempre porque vai ser-te útil.

Se quando tinha a tua idade soubesse as coisas que sei hoje e o quão diferente a minha vida ia estar teria feito certas coisas e outras não. A verdade é que o que está feito está feito e não há volta atrás. Vamos ao que interessa. Esta é uma carta para ti. Não te vou falar muito do futuro, nem das decisões que vais tomar. Bem... talvez o faça, mas tu não vais ligar nenhuma certo?...

Ao rapaz que provavelmente está cansado de tudo e de todos,

Eu sei que é dificil e aquilo porque estás a passar não é fácil. Acredita eu sei o quão dificil é, não fosse eu o teu futuro eu. Posso-te dizer que tudo vai valer a pena. Vais encontrar 6 maravilhosas amigas e o dia 25 de fevereiro de 2016 vai ser o melhor dia da tua vida.


Deixa-me começar por dizer que até aos teus 17 anos te vão deitar muitas vezes abaixo, mas não podes desistir. TU ÉS BOM O SUFICIENTE. Eu sei que estás a ter problemas contigo próprio e a tua autoestima não é, provavelmente, das melhores, mas tudo vai ficar bem. Tu excedes aquilo que a sociedade quer. És o melhor de todos e se alguém te dizer o contrário, não ouças. Vais chegar a uma altura em que não vais aguentar ouvir criticas sobre ti ou sobre os outros. Vais trabalhar imenso para destruir estereótipos, mudar a maneira das pessoas pensarem e o mais importante defender a comunidade a que vais pertencer (no dia 25 de fevereiro de 2016 vais entender o que quero dizer). Espero que não deixes a opinião dos outros afetar-te. Tens o direito de amar quem queres e ninguém, mas mesmo ninguém te pode tirar esse direito. Luta por ele, por ti e pelos os outros. Mostra ao mundo o quão feliz és por seres gay. Sim! Gay! Uma palavra com a qual não te estás a identificar neste momento, mas não te preocupes. Mais uma vez tudo vai ficar bem. 

Continuando esta conversa, quero que saibas que o teu corpo é suficiente. Sempre tiveste problemas com a tua imagem e neste momento as coisas ainda estão mais críticas. O verão está a chegar e estás a tentar arranjar desculpas para não teres de sair com os teus amigos para a praia. Queres ficar fechado em casa porque não te sentes bonito o suficiente, mas não o faças. Aproveita cada momento com os teus amigos e acredita que quando eles te dizem que tu és bonito e que o teu corpo não tem problema algum, eles estão a falar a sério. Não deixes de te divertir só porque a sociedade impôs a regra de que o rapaz adolescente tem que ser magro, bonito, ter abs, etc... Sai de casa, apanha ar, mas sendo sempre tu e que não tenhas medo de o mostrar. Ninguém quer saber de como o teu corpo é! Os teus amigos apenas te querem ver feliz e vão fazer de tudo para que o sejas, por isso aproveita em quanto podes.
Devias comer mais e melhor. A tua família vai-te fazer bastantes ultimatos em relação a esse assunto. Não podes ficar um dia sem comer porque queres emagrecer ou então ingerir snacks durante 8 horas todos os dias. Não deixes o pequeno-almoço e o almoço ficarem guardados dentro de uma gaveta. A comida não é tua inimiga e sem ela não tens energia para fazeres o que mais gostas.
A roupa também não é tua inimiga e não define quem és. Não existe roupa para gays ou héteros, mas sim roupa. Não de deixes de usar calças justas só porque a tua família não gosta ou porque os rapazes da tua idade não andam com elas. Sê diferente e não tenhas medo disso, mas se não quiseres desobedecer e não te sentires confortável a fazê-lo não te preocupes, porque está a chegar o dia em que te vais poder vestir como quiseres.

NÃO TENTES ESCONDER O TEU EU E ARRANJAR UMA ETIQUETA QUE TODA A GENTE GOSTE. SÊ TU MESMO. NÃO HÁ NENHUM PROBLEMA NISSO! ÉS ÚNICO. 

Volto a dizer-te que a vida não vai ser fácil. Vai haver dias em que não vais queres sair da cama, vais estar depressivo e queres te enrolar no teu coberto, encostar-te a um canto e chorar. E noutros dia vais queres sair de casa e fazer de tudo. Experimentar roupa nova, correr, tirar fotos com os teus amigos, visitar a tua família. E isso é normal. Rezar ou estar sempre a pensar nas coisas não é e nunca vai ser a solução. Sentes-te sozinho agora e vais-te sentir assim muitos dias, mas acredita que não estás. Talvez sejas tu que não quer ser ajudado ou abrir-te aos outros, ou são eles que não estão preparados para ti. Eles raramente te vão entender ou perceber o que estás a sentir, por isso vão tentar dar-te o melhor que têm. Tudo isso vai passar quando decidires que são horas de mudares e conheceres pessoas novas. Ana, Cristiana, Inês, Sara, Sofia e Rita são os nomes dessas pessoas, caso te percas e não saibas quem são.
Um dos teus defeitos é guardares tudo para ti. Não consegues partilhar nada com ninguém, porque tens medo que se riam ou te ignorem, mas isso não vai acontecer mais. Digo-te já que não vais conseguir guardar tudo para ti por muito tempo. O máximo que aguentas são 3 meses e depois precisas de deixar tudo sair. Os teus sentimentos são válidos e não tens que os esconder, até porque isso faz mal. Não tenhas medo de o fazer. Se não o fizeres nunca chegarás a ler esta carta. O teu futuro vai ser à base de partilhar as tuas experiências online e através de músicas.
Em relação a rapazes... Nem vale a pena falar. Ficas já a saber que não precisas deles. Não precisas de um homem para seres feliz. Tens que aprender a diferença entre querer e precisar. O teu eu emocional e a tua autoestima não devem depender do facto de namorares ou não. Vais gostar de muitos rapazes. Muitos deles vão te fazer perder tempo, enganar-te,... Mas mudemos de assunto
E agora voltando ao facto de seres gay. NÃO, TU NÃO ESTÁS CONFUSO, ISTO NÃO É UMA FASE E TU NÃO DECIDISTE O QUE QUERIAS SER. NASCESTE ASSIM! ACEITA-TE. Vai ser difícil, mas vais conseguir. Não há nada de mal em ser gay, transsexual, bissexual, heterossexual, gender fluid, o que seja... Tu és um adolescente queer que tem o direito de amar quem quer. E se pensas que vais para o inferno pelo que estás a sentir agora, espera até te assumires. (Uma pequena nota: Ainda não sabes o que significa queer, mas um dia vais descobrir e tudo vai fazer mais sentido)
E por falar de inferno, a tua relção com a religião já não é das melhores e vai diminuir ao longo dos anos, principalmente a partir do dia 25 de fevereiro, que já referi mais de 1000x ao longo da carta. Já deves ter percebido que vai ser o dia em que te vais assumir. Vais deixar de ir à igreja pois não queres estar num sítio que não te aceita por seres quem és. Eventualmente vais deixar de acreditar em Deus. Não te preocupes com isso. É normal e não deves stressar por causa disso. Vai demorar algum tempo até configurares a tua relação com Deus.

E como já estamos a chegar ao fim vamos falar da melhor coisa que tens. A TUA MÃE.
Ela ama-te como és. Eu sei que a tua relação com ela não é das mais fáceis e pensas que ela não te entende. A verdade é que ela não entende, mas ela está a dar o seu melhor e a fazer o que acha que é certo para ti, mesmo que não seja. Acredita que lhe custou muito aceitar-te como gay. Sei que choraste muito nesse dia, mas vai ficar tudo bem. O dia em que a vossa relação vai normalizar está a chegar, mas primeiro vais ter de incluí-la mais na tua vida. Ela está pronta para conversar contigo. Eu do futuro ainda estou com receio de o fazer, mas acredito que vamos chegar lá.
A tua mãe nunca vai ser a mãe que vês nos filmes. E isso deve-se ao facto de a tua vida não ser um filme. Quando ficares mais velho e os dois se tornarem mais próximos vais perceber que ela te criou para seres um rapaz forte e independente. O amor dela por ti é incondicional, acredita em mim. Ela fará qualquer coisa por ti... para te ver feliz e seguro.
Antes de terminar quero voltar a dizer que tu és forte e és suficiente. Tenho que o dizer novamente, porque sei o quão difícil é acreditares em ti. Enquanto estiveres a crescer acredita sempre em ti. A tua coragem e ferocidade vão-te inspirar a fazer tudo. Não tens que ser tão exigente contigo. Acredita que o mundo já é bastante cruel para um rapaz mestiço e bonito como tu. Estás a sair-te muito bem e espero que continues assim e que faças mais coisas maravilhosas como as que fizeste até hoje.
Falando seriamente tu és um badass, a bad bitch do teu grupo, Não importa o quão mal estás, mas tentas de tudo para tirar um sorriso da cara dos outros. Fico feliz por isso. Não te deixes ir abaixo por comentários e pensamentos negativos e estereótipos que te dizem que não és bonito, bom o suficiente e que deves morrer por seres gay, porque tu és bonito e bom o suficiente e tens o direito de amar quem tens de amar.
Now for all of you. From America to Australia, Indonesia Japan, Brazil, The Netherlands. All of you that reads my blog. YOU ARE PRETTY, YOU ARE FIERCE, YOU ARE AMAZING, STRONG, UNIC. YOU ARE ENOUGH, YOU DESERVE TO LOVE WHO YOU WANNA LOVE!
Ao longo da carta deixei-te algumas fotos de pessoas especiais. Decora bem as caras para depois as poderes encontrar.
Love you all,
PeZ
Share:

2 comentários

  1. Great post! I saw your blog on your instagram bio. Good luck for the future

    ResponderEliminar

© 2018 What Pedro Said | All rights reserved. Blog Design Handcrafted by pipdig